Ucrânia. O site do Ministério da Defesa está fora do ar. Pode ser um ataque cibernético.

Ucrânia pode estar exposta a um ataque cibernético Reportagens da mídia ucraniana. Esta informação foi fornecida, entre outras coisas, pela Agência Ucraniana Interfax. Os sites do Ministério da Defesa e das Forças Armadas pararam de funcionar. Tentamos visitar todos eles – uma mensagem sobre manutenção em andamento é exibida.

De acordo com as novas informações, Os sites dos quatro bancos não estão funcionando. É sobre Privatbank, Oschadbank, Crédit Agricole e o Primeiro Banco Internacional Ucraniano.

O Ministério da Defesa da Ucrânia escreveu no Twitter: “É possível que o site do Ministério da Defesa tenha sido atacado por um ataque DDoS: número excessivo de solicitações por segundo”. Também foi anunciado que estão em andamento trabalhos para restabelecer os serviços.

Uma reunião do presidente da Rússia ocorreu há algumas horas Presidente russo Vladimir Putin conselheiro da Alemanha Olaf Schulze. Após a conversa, Putin ressaltou que não queremos guerra na Europa. “Manter a paz na Europa é nosso maior dever”, acrescentou o líder alemão. Políticos falaram no Kremlin na terça-feira.

Também foram recebidas informações, na terça-feira, sobre os movimentos das forças russas que vão deixar as áreas ocupadas pela fronteira com a Ucrânia. russo A Duma do Estado, por sua vez, pediu a Putin que reconheça as regiões não estatais dos estados de Donetsk e Luhansk da Ucrânia como entidades independentes.. “Esse reconhecimento seria uma clara violação dos acordos de Minsk”, escreveu no Twitter Josep Borrell, alto representante da UE para Relações Exteriores e Política de Segurança.

De acordo com o Ministério das Relações Exteriores da Ucrânia, o reconhecimento desses territórios não terá consequências legais.



READ  Mídia: Alemanha bloqueou o fornecimento de armas da Estônia para a Ucrânia

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

O Dia Jundiaí