Fique Conectado

Geral

Ovos de Páscoa: consumidor deve ficar atento aos preços e tamanhos dos chocolates

Avatar

Publicado

em

Produtos estão sendo vendidos com menos chocolate, mas com valor menor no preço final

Faltam poucos dias para a Páscoa e os consumidores que forem às compras devem ficar atentos quanto aos preços e tamanhos dos ovos e outros chocolates de forma geral. O especialista em direito do consumidor e professor do Centro Universitário Internacional Uninter, Alex Branchier, explica que a oferta em 2019 é de menos quantidade de chocolate em cada produto na tentativa de oferecer ao consumidor uma conta mais barata.

“A diminuição do peso dos produtos pode contribuir como fator de acessibilidade do consumidor aos chocolates”, afirma o professor. Por exemplo, um ovo de 410 gramas que em 2018 era vendido por R$ 55, devido ao aumento do valor dos insumos e matéria-prima, deveria ter seu preço atualizado para R$ 62 em 2019. Ao sofrer redução de volume e manter o mesmo preço de R$ 55, ao menos será facilitado o acesso do consumidor pelo fator ‘preço final’, ainda que de fato o aumento regular da cadeia produtiva tenha sido repassado. “A prática abusiva pode se revelar nos casos em que não é esclarecido ao consumidor essa diminuição, bem como quando o fornecedor aumenta exagerada ou imotivadamente o preço de seu produto”, explica.

E não foram apenas os tradicionais ovos que diminuíram em peso, mas igualmente os chocolates variados, de caixas de bombons a barras médias e pequenas. Nesses casos, o consumidor terá o direito à informação adequada e clara acerca da redução de peso e volume do produto, que deverá estar estampada no rótulo ou na embalagem dos produtos de época.

Portanto, se o cliente perceber ou desconfiar que o fornecedor está disfarçando um aumento de preços abusivo e se valendo inclusive da redução de peso/volume, deve denunciar a prática ao Departamento Estadual ou Nacional de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) e às Promotorias de Defesa do Consumidor do Ministério Público de seu estado.


Continuar Lendo
PUBLICIDADE
Clique para comentar

Esporte

Taça das Favelas tem edição em Jundiaí

Depois de passar pela capital paulistana e pelo Rio de Janeiro, o torneio de futebol de várzea Taça das Favelas acontece agora em Sorocaba e Jundiaí.

Avatar

Publicado

em

Fotos: Ryck Rodriguez

A Taça das Favelas é mais que um campeonato. O torneio, além de valorizar a cultura de várzea, ainda promove a inclusão social por meio do esporte. Organizado pela Central Unificada das Favelas (CUFA), com a edição em Sorocaba e Jundiaí, o evento tem estimativa pra receber mais de mil jovens. As inscrições para participar vão ser entre os dias 10 e 15 de fevereiro e a final acontece no dia 30 de maio, no estádio Walter Ribeiro.

Calendário

Pra quem quer jogar, a inscrição das comunidades acontece entre os dias 10 e 15 de fevereiro. Do dia 17 a 29 de fevereiro, acontecem as conversas da CUFA com os líderes comunitários pra definir as comissões técnicas.

A inscrição para atletas vai do dia 1º ao dia 8 de março. Depois no dia 11 acontece o sorteio dos grupos sendo quatro no torneio masculino, cada um com quatro times, e dois grupos no feminino. Na mesma data tem a divulgação da tabela de jogos. Dias 14 e 15 de março rolam as peneiras.

Os primeiros jogos acontecem entre os dias 28/3 a 19/4, primeira fase de grupos. Dia 25/4 rolam as quartas de final, dia 9 de maio acontece as semifinais. Já no dia 16 de maio acontece a final dos times de Jundiaí no CECE Romão de Souza e a final de Sorocaba rola só no dia 23 de maio. A super final entre Jundiaí e Sorocaba é no dia 30 de maio.

Saiba mais no site: Taça das Favelas

Fonte: Kondzilla

Continuar Lendo

Empreendedorismo e Mercado

Brancoala oferece dicas para quem está começando a produzir vídeos para o Youtube

Hoje com mais de 6 milhões de inscritos no canal, youtuber explica que iniciantes devem focar na produção de conteúdo relevante e autêntico

Avatar

Publicado

em

Orlando, 7 de janeiro de 2020 – O YouTube cresce todos os anos de uma maneira exorbitante, são milhares de vídeos postados diariamente e milhões de inscritos acompanhando seus canais favoritos. Mas começar uma carreira nessa plataforma não é tão simples como parece, pode levar algum tempo para conquistar o espaço desejado, e assim se tornar um grande youtuber.

Brancoala, produtor de conteúdo na plataforma desde 2011, conta que apesar do caminho ser árduo, é também gratificante. “Para começar a produzir e publicar vídeos, não apenas como hobby, mas com o intuito de crescer, é muito importante ter paciência. Assim como em qualquer outro tipo de trabalho que tem como base comunicação e criatividade, é um ofício que requer persistência”, lembra o apresentador.

Atualmente, seu canal conta com mais de 6 milhões de seguidores e fala sobre a rotina de sua família nos Estados Unidos, com vlogs diários e até mesmo avaliação de brinquedos e jogos, mas não foi sempre assim. Há oito anos, quando lançou os primeiros vídeos, o principal foco era reproduzir a paixão por música como um passatempo e esse  fator foi essencial para seguir na plataforma. “Produzir conteúdo apenas por produzir, ou pensando no retorno financeiro, geralmente não leva o canal para frente. É preciso gostar do assunto que trata, até mesmo para sentir prazer ao filmar, do contrário, pode ficar cansativo e artificial”, revela.

As principais dicas oferecidas por Brancoala para aqueles que estão começando, são bastante simples, mas que podem realmente fazer a diferença em sua trajetória. A princípio é ideal ter em mente que os resultados costumam aparecer a longo prazo, por isso é preciso ter paciência e consistência com as publicações na plataforma. A paixão pelo tema do que pretende tratar faz toda a diferença e também traz autenticidade, isso faz com que o conteúdo tenha um diferencial dos demais. “Além desses fatores, estar sempre atualizado e buscando novidades sobre o nicho que pretende atingir traz a inspiração necessária para continuar fazendo um trabalho novo. A busca por essas novidades precisa ser feita tanto com fontes internacionais quanto nacionais”, comenta.

Outra grande dúvida de quem está iniciando a carreira é sobre o ‘set up’ de equipamentos para filmar e editar os vídeos. Para o YouTuber, isso depende bastante do tipo de produção que será feita, mas no começo é o que menos importa. “Muitas pessoas se lançam com um telefone de última geração, uma boa luz natural e o conteúdo que está sendo produzido assim como o daily vlog. É claro que com o tempo e dedicação é possível comprar equipamentos para fazer vídeos mais elaborados, mas o ideal é focar na qualidade da informação e não na técnica”, finaliza.

Sobre Brancoala

Com mais de 6 milhões de seguidores, Branco, ou “Brancoala”, possui um canal com conteúdo voltado para a família. Atualmente, ele mora nos Estados Unidos com a esposa e os dois filhos. É um papai style, cantor, produtor musical, designer gráfico, youtuber e escritor. Passa a maior parte do tempo gravando, editando vídeos, tocando violão e brincando com os filhos. Branco também lançou o livro “Brancoala e Família”, explicando como é possível reconectar-se com seu propósito de vida aprendendo a alinhar com seus objetivos e sonhos. Além do conteúdo sobre autoconhecimento, há uma parte dedicada a história da família, como eles começaram a vida em outro país do zero, qual a melhor hora para ter um filho e como os pais de primeira viagem podem lidar com as próprias ansiedades e dúvidas. São situações engraçadas e inusitadas pelas quais todos os pais passam.  Para saber mais, acesse – https://www.youtube.com/user/brancoala

Para saber mais, acesse – https://brancoala.com. No Youtube, pelo https://www.youtube.com/user/Brancoala, canal com mais de 6 milhões de seguidores e Instagram @Brancoala, onde mais de 261 mil pessoas recebem diariamente novos conteúdos.

Continuar Lendo

Geral

Após construir o próprio motorhome, casal se prepara para casamento ao vivo no youtube e lua de mel de volta ao mundo

Avatar

Publicado

em

Os paulistas Renan Jereissati, publicitário, e Lais Sousa, marketóloga, lançam o projeto Traveleiros, onde unem o sonho de casar ao sonho de viajar o mundo. O casal vai iniciar uma lua de mel de volta ao mundo em 26 de janeiro, logo após o casamento, que será transmitido ao vivo no canal de YouTube Traveleiros. Durante a viagem, que terá início por todos os estados brasileiros, eles irão morar em um furgão Mercedes Sprinter ano 1999, que foi adaptado para um motorhome de forma artesanal. O projeto tem o intuito de desbravar diferentes destinos para a prática de esportes outdoor no Brasil e no mundo, com a meta de conhecer 100 países e passar pelos 5 continentes.

O pontapé inicial para essa aventura começar será em 25 de janeiro, quando acontece a cerimônia de casamento que será transmitida ao vivo. Esse será o primeiro casamento dos youtubers, que pretendem renovar os votos em diferentes culturas e locais que passarem durante o roteiro.

A lua de mel, que vem sendo planejada desde 2015, deve durar em torno de 5 anos. O planejamento incluiu a adaptação do furgão em motorhome, que contou com o apoio da Leroy Merlin para deixar o carro com cara de lar. Em 6m², foi possível construir uma casa completa com sala, quarto, cozinha, banheiro e um depósito para guardar os equipamentos dos esportes que os dois praticam: Mergulho, Surf, Stand Up Paddle, Escalada, Trekking, Ciclismo e AcroYoga.

Renan acredita que a casa sobre rodas engloba tudo o que precisam: “Mesmo com um espaço limitado, conseguimos incluir tudo que queríamos de uma forma aconchegante e ainda ter um quintal tão grande como o mundo”.

Para realizar esse sonho, o casal poupou e investiu grande parte do salário dos últimos anos para garantir segurança durante os primeiros meses de viagem. Além disso, também pensaram em diferentes maneiras de empreender na estrada: lançaram uma loja online e criaram uma produtora de conteúdo para o nicho de viagens de aventura. “Nós não estamos largando tudo, estamos empreendendo. Mas em vez do home office, escolhemos o road office”, explica Lais.

Através do projeto Traveleiros, o casal documenta toda a aventura no YouTube, Instagram e blog, com o objetivo de levar esse estilo de vida cada vez mais longe e incentivar mais pessoas a viajarem e praticarem esportes outdoor.

Continuar Lendo

+ Lidas da semana