Fique Conectado

Geral

Ministério das Cidades quer “transitolândias” por todo o país

Avatar

Publicado

em

Uma iniciativa do Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER) quer a ajuda das crianças para conscientizar pais sobre a importância de seguir fielmente as regras do trânsito. Por meio da chamada Transitolândia (Escola Vivencial de Trânsito), o DER tem instruído as crianças a fiscalizar os pais, cobrando deles obediência total a essas regras que, quando não seguidas, contribuem para aumentar o número de mortos e feridos no trânsito brasileiro.

O objetivo da Transitolândia é educar para formar cidadãos conscientes das relações de trânsito.

“A segurança no trânsito de amanhã começa hoje. Essa é uma bela iniciativa para conscientizar e educar todas as crianças, deixando-as conscientes sobre como devemos nos comportar enquanto usuários do trânsito brasileiro”, disse hoje (31) o ministro das Cidades, Alexandre Baldy, durante visita para apresentar a iniciativa ao ex-piloto de Fórmula 1 Felipe Massa e ao presidente da Federação Internacional de Automobilismo (FIA), Jean Todt.

Segundo o ministro, os bons resultados em termos de conscientização — com teatro, jogos e brincadeiras — levarão a pasta a defender a implementação de transitolândias em outras unidades federativas, por meio dos departamentos estaduais de trânsito. “Apesar de serem iniciativas tocadas pelos governos estaduais, nós queremos, por meio de nossas apresentações e divulgações, convidar governadores e dirigentes dos órgãos responsáveis pelo trânsito a virem aqui para conhecer essa experiência e, se possível, replicá-las em seus estados”.

A presença de Massa e de Todt tornou as atividades de hoje mais especiais. Alguns dos estudantes, com idade entre 5 e 10 anos, tiveram a oportunidade de percorrer o circuito guiados tanto pelo piloto brasileiro como pelo dirigente maior do automobilismo mundial.

“Não estou com medo porque sei que ele não corre muito”, disse Vitor Rocha, 6 anos, momentos antes de pegar carona com Felipe Massa. “Eu achava que, por serem corredores, os pilotos eram mais agitados e falantes. Achei ele calmo. Deve ser por isso que dizem ser importante dirigir com calma”, acrescentou Heitor Oliveira, 10 anos.

Heitor disse já ter aprendido muito sobre as regras do trânsito com o pai. Mesmo assim, levará aprendizados da visita de hoje. “Eu não sabia para que serviam as passarelas. Agora sei que elas servem para que evitemos o risco de atravessar a rua pela pista”.

Já Vinícius Fiorese, 6 anos, diz que seus pais nunca conversaram sobre regras de trânsito. “Eles nunca me ensinaram essas regras. Agora eu sei que a gente tem de esperar o carro parar para atravessarmos a faixa de pedestre, e sei que meu pai faz errado quando dirige usando o celular”, disse garantindo que fiscalizará o pai, para que não cometa novamente esse tipo de erro.

Para o presidente da FIA, iniciativas como esta, visando a educação das famílias para o trânsito, são ideais para reverter o quadro negativo que atinge não só o trânsito brasileiro. “Infelizmente a situação em todo o mundo é ruim, motivo pelo qual há muitos mortos e feridos no trânsito”, disse Jean Todt.

Segundo ele, é fundamental que a repetição de informações – sobre o uso correto do cinto; respeito ao limite de velocidade; o risco de dirigir usando celular ou após a ingestão de álcool – seja constante.

“A segurança nas ruas não é responsabilidade apenas do governo. É de todos. Por isso precisamos também da ajuda da mídia”, disse Todt.

Felipe Massa compartilha a mesma opinião. “O pouquinho que cada um de nós fizermos para seguir as leis de trânsito, sem dúvida salvará muitas vidas no trânsito”, disse o piloto. “Todas as regras vêm de quando você é criança. Se a gente conseguir ensinar as crianças da maneira certa, sem dúvida as crianças ajudarão os pais a seguirem as regras também”, acrescentou.

Continuar Lendo
PUBLICIDADE
Clique para comentar

Geral

As melhores academias de Jundiaí

Avatar

Publicado

em

as melhores academias de jundiaí

Se você é jundiaiense ou apenas está em Jundiaí procurando uma academia, descobrirá aqui as melhores academias de Jundiaí. São seis opções de redes com atividades e treinos para todos os tipos de objetivos.

A cada dia que passa, as pessoas estão cada vez mais adeptas do estilo de vida saudável, seja para manter a longevidade, emagrecer, definir os músculos, dançar ou mudar os seus hábitos.

Independente do motivo que você tenha para entrar para a rotina fitness, essa lista tem as melhores opções para você.

A cidade de Jundiaí dispões de diversas academias, grande parte dela nas regiões mais movimentadas da cidade, como a Avenida Nove de Julho, Carrefour e Shoppings. Hoje em dia mudar os hábitos de vida não é mais opção, mas uma necessidade real.

Então confira nossa lista com as melhores academias de Jundiaí e escolha opção que mais lhe agrada.

Selfit

A Selfit é a segunda maior rede de academias do Brasil. A meta da rede é chegar a mais de 100 unidades em todo o país até o final de 2020. Focada na autonomia do aluno com a utilização de equipamentos de última geração e baixo custo mensal, a Selfit Jundiaí fica localizada no Carrefour e tem planos a partir de R$ 69,90. É, sem dúvidas, a melhor academia de Jundiaí. Confira aqui o tour virtual pela unidade de Jundiaí.

Smart Fit

Com três unidades na cidade de Jundiaí, a Smart Fit é maior rede de academias do país e a 5ª maior do mundo. A qualidade de suas unidade já é conhecida por quase todos. Quem pensa em academia acaba lembrando a Smart Fit em algum momento. O único problema de suas unidades em Jundiaí é a quantidade de frequentadores, que já excedeu o seu limite.

Runner

A Runner é uma rede de academias de alto padrão, portanto, não espere valores baixos. A rede é pioneira no mercado fitness brasileiro e está em atividade há 35 anos. O valor mais baixo na unidade de Jundiaí, que é licenciada, beira os R$ 200.

BlueFit

A Bluefit é a segunda maior rede de academias low cost do mercado. Com cerca de 80 unidades, a marca está sendo disputada pela Selfit e pela Smart Fit.

Continuar Lendo

TV

Falece o apresentador Gugu Liberato

Avatar

Publicado

em

Segundo informações do Portal IG, MeiaHora e da Band News, o apresentador Gugu Liberato, 60 anos, faleceu por morte cerebral nesta quinta-feira (21) ao cair de uma altura de quatro metros enquanto instalava enfeites de natal em sua casa nos Estados Unidos e chocar sua cabeça contra a quina de um móvel.

https://fabiaoliveira.odia.ig.com.br/colunas/fabia-oliveira/2019/11/5829554-gugu-liberato-morre-aos-60-anos.html

http://www.meiahora.com/celebridades-e-tv/televisao/2019/11/5829620-luto–apos-acidente-domestico–gugu-liberato-morre-aos-60-anos.html

Continuar Lendo

Empreendedorismo e Mercado

Batman Brasileiro traz lições de superação no MBI, em São Paulo

Avatar

Publicado

em

A 5º Edição do MBI (Mastery Business Intensive) já começa com lições de superação trazidas pelo empresário Cristiano Zanetta, o Batman Brasileiro. Zanetta ficou conhecido por levar o conhecido super-herói para ajudar crianças no tratamento contra o câncer.

O empresário é um dos palestrantes do dia do MBI, maior seminário de desenvolvimento empresarial do Brasil, que vai até domingo (24), no Expo Center Norte, em São Paulo. “O Batman surgiu quando eu tinha seis anos de idade, quando enfrentei um incêndio em minha residência. Na época já tinha vários problemas de saúde e me apeguei a imagem do Batman como super-herói. Durante o incêndio, sai para pedir ajuda e as pessoas que entraram saquearam o que ainda não havia sido consumido pelo fogo”, conta Zanetta.

Para ele, esse episódio foi traumático em sua vida, resultando em diversos problemas com o trauma, onde mais uma vez, teve no Batman uma inspiração de herói para superar as dificuldades.Já na vida adulta, Zanetta perdeu o pai para o câncer e, após esse fator, ele resolveu levar o personagem Batman para ajudar crianças em tratamento contra o câncer.

EMPREENDEDORISMO
Hoje Zanetta é empresário e usa toda a sua experiência com situações traumáticas para levar sua empresa ao sucesso. O Batman Brasileiro já trabalha com o personagem há 13 anos, fazendo trabalho social em Santa Catarina, ganhando fama internacional.

Quem quiser ajudar o projeto do Batman Brasileiro, pode entrara em contato pelo e-mail palestras@cristianozanetta.com.br ou com Leandro Costa no WhatsApp (11) 972779440.O MBI segue até domingo com diversas palestras e dinâmicas para ajudar no desenvolvimento empresarial. O evento conta com 1200 empresários de diversos segmentos.

Continuar Lendo

+ Lidas da semana