Fique Conectado

Geral

Indústria paulista fecha 11,5 mil postos de trabalho em junho, aponta Fiesp

Avatar

Publicado

em

Resultado para o fechamento do 1º semestre tem saldo positivo de 17 mil vagas

A indústria paulista apresenta pelo segundo mês consecutivo fechamento de vagas em seu quadro de funcionários. Em junho, foram encerrados 11,5 mil postos de trabalho, queda de 0,53% frente a maio, na série sem ajuste sazonal. No fechamento do primeiro semestre, o saldo ainda segue positivo, com 17 mil vagas (+0,79%). Com o ajuste sazonal, o resultado para o mês também ficou negativo, (-0,27%). Os dados de Nível de Emprego do Estado de São Paulo foram divulgados nesta terça-feira (17/07) pela Federação e Centro das Indústrias do Estado de São Paulo.

Apesar de os meses de junho, desde 2011, apresentarem saldo negativo, o presidente em exercício da Fiesp, José Ricardo Roriz Coelho, lembra que esta queda é a pior do período recente. “Esse junho foi pior, em termos de empregabilidade para a indústria paulista, do que o mês de junho do ano passado. Algumas variáveis políticas e econômicas estão influenciando fortemente alguns setores importantes, como o alimentício, por exemplo, que sofreu uma forte perda de postos de trabalho”, avalia Roriz.

Para reverter esse cenário negativo, Roriz observa que é preciso corrigir uma série de problemas que tiram a possibilidade de recuperação das empresas. “É preciso buscar alternativas de mercado como uma saída. Aproveitar esse câmbio para exportar mais. As empresas precisam buscar mais inovação. É importante saber que a situação é difícil e que a recuperação vai demorar. Com essa grande paralisação de maio e junho, decorrente da greve dos caminhoneiros, é preciso buscar alternativas para que as empresas possam operar com rentabilidade e voltar a gerar emprego. Além disso, as companhias precisam de mais ofertas e acesso às linhas de crédito para que recuperem seu capital de giro e voltem a investir”, completa.

Setores e regiões

Entre os 22 setores acompanhados pela pesquisa para o mês de junho, 4 ficaram positivos, 2, estáveis e 16, negativos.

Entre os positivos, os destaques ficaram por conta de bebidas, com geração de 331 postos de trabalho, seguido por produtos farmoquímicos e farmacêuticos (196) e impressão e reprodução de gravações (108).

No campo negativo ficaram, principalmente, produtos alimentícios (-2.910), confecção de artigos do vestuário e acessórios (-2.377) e produtos de borracha e de material plástico (-1.160).

A pesquisa apura também a situação de emprego para as grandes regiões do estado de São Paulo e em 36 Diretorias Regionais do CIESP. Por grande região, a variação no mês ficou negativa em -0,53% no Estado de São Paulo, -0,49% na Grande São Paulo e -0,57% no Interior paulista.

Entre as 36 diretorias regionais, houve variação nos resultados. Nas 3 que apontaram altas, destaque por conta de Santos (0,47%), influenciada por produtos de metal (5,05%) e produtos de minerais não metálicos (1,87%); Mogi das Cruzes (0,23%), por produtos têxteis (0,86%) e produtos de metal (0,67%) e Marília (0,12%), por produtos de borracha e plástico (3,72%) e máquinas e equipamentos (0,65%).

Já das 31 negativas, destaque para Jaú (-4,43%), por artefatos de couro e calçados (-12,92%) e produtos alimentícios (-0,90%); Matão (-2,96%), por máquinas e equipamentos (-4,36%) e confecção e artigos do vestuário (-5,57%); Santa Bárbara D’Oeste (-2,29%), influenciado por produtos têxteis (-2,87%) e produtos de metal (-10,11%).

Continuar Lendo
PUBLICIDADE
Clique para comentar

Geral

As melhores academias de Jundiaí

Avatar

Publicado

em

as melhores academias de jundiaí

Se você é jundiaiense ou apenas está em Jundiaí procurando uma academia, descobrirá aqui as melhores academias de Jundiaí. São seis opções de redes com atividades e treinos para todos os tipos de objetivos.

A cada dia que passa, as pessoas estão cada vez mais adeptas do estilo de vida saudável, seja para manter a longevidade, emagrecer, definir os músculos, dançar ou mudar os seus hábitos.

Independente do motivo que você tenha para entrar para a rotina fitness, essa lista tem as melhores opções para você.

A cidade de Jundiaí dispões de diversas academias, grande parte dela nas regiões mais movimentadas da cidade, como a Avenida Nove de Julho, Carrefour e Shoppings. Hoje em dia mudar os hábitos de vida não é mais opção, mas uma necessidade real.

Então confira nossa lista com as melhores academias de Jundiaí e escolha opção que mais lhe agrada.

Selfit

A Selfit é a segunda maior rede de academias do Brasil. A meta da rede é chegar a mais de 100 unidades em todo o país até o final de 2020. Focada na autonomia do aluno com a utilização de equipamentos de última geração e baixo custo mensal, a Selfit Jundiaí fica localizada no Carrefour e tem planos a partir de R$ 69,90. É, sem dúvidas, a melhor academia de Jundiaí. Confira aqui o tour virtual pela unidade de Jundiaí.

Smart Fit

Com três unidades na cidade de Jundiaí, a Smart Fit é maior rede de academias do país e a 5ª maior do mundo. A qualidade de suas unidade já é conhecida por quase todos. Quem pensa em academia acaba lembrando a Smart Fit em algum momento. O único problema de suas unidades em Jundiaí é a quantidade de frequentadores, que já excedeu o seu limite.

Runner

A Runner é uma rede de academias de alto padrão, portanto, não espere valores baixos. A rede é pioneira no mercado fitness brasileiro e está em atividade há 35 anos. O valor mais baixo na unidade de Jundiaí, que é licenciada, beira os R$ 200.

BlueFit

A Bluefit é a segunda maior rede de academias low cost do mercado. Com cerca de 80 unidades, a marca está sendo disputada pela Selfit e pela Smart Fit.

Continuar Lendo

TV

Falece o apresentador Gugu Liberato

Avatar

Publicado

em

Segundo informações do Portal IG, MeiaHora e da Band News, o apresentador Gugu Liberato, 60 anos, faleceu por morte cerebral nesta quinta-feira (21) ao cair de uma altura de quatro metros enquanto instalava enfeites de natal em sua casa nos Estados Unidos e chocar sua cabeça contra a quina de um móvel.

https://fabiaoliveira.odia.ig.com.br/colunas/fabia-oliveira/2019/11/5829554-gugu-liberato-morre-aos-60-anos.html

http://www.meiahora.com/celebridades-e-tv/televisao/2019/11/5829620-luto–apos-acidente-domestico–gugu-liberato-morre-aos-60-anos.html

Continuar Lendo

Empreendedorismo e Mercado

Batman Brasileiro traz lições de superação no MBI, em São Paulo

Avatar

Publicado

em

A 5º Edição do MBI (Mastery Business Intensive) já começa com lições de superação trazidas pelo empresário Cristiano Zanetta, o Batman Brasileiro. Zanetta ficou conhecido por levar o conhecido super-herói para ajudar crianças no tratamento contra o câncer.

O empresário é um dos palestrantes do dia do MBI, maior seminário de desenvolvimento empresarial do Brasil, que vai até domingo (24), no Expo Center Norte, em São Paulo. “O Batman surgiu quando eu tinha seis anos de idade, quando enfrentei um incêndio em minha residência. Na época já tinha vários problemas de saúde e me apeguei a imagem do Batman como super-herói. Durante o incêndio, sai para pedir ajuda e as pessoas que entraram saquearam o que ainda não havia sido consumido pelo fogo”, conta Zanetta.

Para ele, esse episódio foi traumático em sua vida, resultando em diversos problemas com o trauma, onde mais uma vez, teve no Batman uma inspiração de herói para superar as dificuldades.Já na vida adulta, Zanetta perdeu o pai para o câncer e, após esse fator, ele resolveu levar o personagem Batman para ajudar crianças em tratamento contra o câncer.

EMPREENDEDORISMO
Hoje Zanetta é empresário e usa toda a sua experiência com situações traumáticas para levar sua empresa ao sucesso. O Batman Brasileiro já trabalha com o personagem há 13 anos, fazendo trabalho social em Santa Catarina, ganhando fama internacional.

Quem quiser ajudar o projeto do Batman Brasileiro, pode entrara em contato pelo e-mail palestras@cristianozanetta.com.br ou com Leandro Costa no WhatsApp (11) 972779440.O MBI segue até domingo com diversas palestras e dinâmicas para ajudar no desenvolvimento empresarial. O evento conta com 1200 empresários de diversos segmentos.

Continuar Lendo

+ Lidas da semana