Incidente envolvendo o Embaixador da Polônia no Brasil. Ele vai pular a fila de teste

Centenas de pessoas fizeram fila em frente a um dos pontos públicos onde estão sendo realizados testes para a presença do vírus corona, segundo a cobertura da mídia nesta sexta-feira na capital brasileira. As pessoas esperaram horas para fazer o teste o mais rápido possível.

Assim que o ponto foi aberto, entrou o embaixador da Polônia no Brasil, Jacques Skiba. Apesar da insatisfação das pessoas que esperavam na fila, o policial ignorou e foi direto para o posto de controle. O vídeo foi postado no YouTube gravando pessoas revoltadas e o mensageiro testado. Um policial também interveio no local.

Segundo testemunhas, os idosos tiveram prioridade nesta fase e não foram mantidos registros especiais para os julgamentos.

Em entrevista à mídia brasileira, Jacques Skipa explicou que um dos funcionários da embaixada havia ocupado seu lugar na fila. O funcionário disse que pessoas de fora não querem ser infectadas e, portanto, não podem ficar na fila. O embaixador está isolado desde 11 de janeiro em conexão com uma infecção pelo vírus corona que ele foi diagnosticado.

Skipa pediu desculpas a todos que se sentiram magoados na mídia brasileira.

“Gazeta Wyborcza” questionou a assessoria de imprensa do Ministério das Relações Exteriores sobre o assunto. Em resposta, o Ministério das Relações Exteriores expressou seu “arrependimento” pelo incidente com Skipa, observando que um funcionário diplomático havia reservado um lugar para ele. “O embaixador não sabia que tal procedimento poderia entrar em conflito com a política de não marcar hora de teste em pontos de saúde pública”, disse o comunicado. O ministério prometeu que “o incidente será totalmente investigado” – lemos nas páginas da “Gazeta Wyborcza”.

READ  Incêndio no Parlamento da África do Sul: colapso do telhado, danos significativos em todo o campus

Estamos felizes por você estar conosco. Assine o boletim informativo da Onet para receber o conteúdo mais valioso de nós

Fonte: “Gazeta Wyborcza”, Metropoles

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

O Dia Jundiaí