Brasil, Argentina. Recorde de calor na América do Sul

As partes centrais da América do Sul foram afetadas pelo sol por vários dias. As temperaturas chegarão a 50 graus Celsius na sexta-feira, disseram meteorologistas locais.

Na Argentina, funcionários do governo decidiram na quinta-feira mudar para o trabalho de longa distância. Como resultado da falha maciça do Sistema Nacional de Energia, 700.000 pessoas em onze distritos e na região metropolitana argentina ficaram sem eletricidade no início da semana.

A Argentina está lutando com o sol escaldante

Às 16h em Buenos Aires, 40 graus Celsius foram registrados apenas três vezes nos últimos 115 anos, segundo o Serviço Nacional de Meteorologia local. Ar seco e quente soprava sobre o Uruguai e o Paraguai. Eles alertaram para “a pior onda de calor e seca da região em mais de 60 anos”.

O calor tomou conta da América do SulPAP / EPA / Enrique Garcia Medina

O calor tomou conta da América do SulPAP / EPA / Enrique Garcia Medina

Brasil. 15 graus acima do normal este ano

O governo brasileiro do Rio Grande do Sulin alertou o público na quinta-feira que devem estar preparados para temperaturas acima de 40 graus nos próximos dias, 15 graus acima do normal nesta época do ano. Em 1910 a temperatura mais alta já registrada no estado do Rio Grande do Sul foi de 42,6 graus. Ondas de calor semelhantes ocorreram lá em 1917 e 1943.

Os agricultores mais preocupantes, principalmente os pecuaristas do Brasil, Uruguai e Argentina, são os efeitos de um transtorno na forma de uma seca severa. A agricultura e a colheita de vegetais e frutas já foram severamente afetadas como resultado da severa seca do ano passado.

Ao longo de 2021, as chuvas no sul da Argentina, onde se concentra a produção animal, foram de apenas 200 milímetros.

O calor tomou conta da América do SulPAP / EPA / Enrique Garcia Medina

Fonte da foto chave: PAP / EPA / Enrique Garcia Medina

READ  Equipe de ataque do Capitólio busca informações com Sean Hannity da Fox - Live | American News

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

O Dia Jundiaí