Fique Conectado

Educação

Alunos representam Maple Bear na Olimpíada Internacional de Matemática

Escolas de Belo Horizonte, João Pessoa, Jundiaí e Sorocaba vão representar a Maple Bear em Pequim

Avatar

Publicado

em

Alunos da Maple Bear, representante oficial do ensino canadense no Brasil, vão participar da WMTC – World Mathematics Team Championship, maior competição de Matemática da China, que acontece de 21 a 25 de novembro, em Pequim. Serão ao todo 25 alunos entre 10 e 13 anos, de quatro escolas de várias regiões do Brasil: Sorocaba e Jundiaí/SP, João Pessoa/PB e Belo Horizonte/MG. Durante a Olimpíada, os estudantes serão desafiados a resolver questões matemáticas em diferentes graus de dificuldade e farão provas individuais, de revezamento e em grupo. 

A Maple Bear foi convidada a participar após o bom desempenho dos estudantes em olimpíadas e torneios nacionais. Neste ano, cerca de 10 países irão à Pequim participar da Olimpíada Internacional. “É uma honra para a Maple Bear participar de uma Olímpiada Internacional de Matemática, e com alunos de todo o Brasil. Nossos times são formados por alunos de diferentes idades e séries, em perfeita sintonia trabalhando em equipe. Temos certeza que nossos alunos irão demonstrar em cada desafio os valores canadenses, com coragem e autonomia”, afirma Arno Krug, CEO da Maple Bear.

Maple Bear Canadian School

Com origem em North Vancouver, British Columbia, Canadá, e com mais de 400 escolas em 17 países, atendendo mais de 40.000 crianças e adolescentes, a Maple Bear Canadian School é uma das líderes mundiais em educação bilíngue, oferecendo ensino Infantil, Fundamental e Médio de alta qualidade, fundamentado nas melhores práticas que posicionam a educação canadense entre as melhores do mundo. As escolas Maple Bear proporcionam um sistema de aprendizagem centrado no aluno, em um ambiente seguro e estimulante, despertando a paixão por aprender ao longo de toda a vida. No Brasil, a Maple Bear Canadian School está presente em todas as regiões do país com mais de 120 escolas. Para mais informações sobre a Maple Bear, acesse www.maplebear.com.br.

Autodidata, palmeirense, apreciador de whisky e filho de "nossa terra querida", Fillipe foi criado em Jundiaí. É autoridade em Marketing de Influência. Possui grande notoriedade por ter em seu currículo, especialidade em Estratégia, Conteúdo e Ações Práticas no Marketing de Influência. Hoje, é o atual executivo da Oak Comunicação, agência paulistana de marketing de influência, relações públicas e assessoria de imprensa, onde já atendeu diversos dos maiores influenciadores e personalidades do Brasil. Trabalhou em campanhas para diversas marcas como: Rappi, Hopi Hari, VIACOM, Jack Daniels, Camarote Fan Zone, Wet’n Wild, Allianz Parque, Nickelodeon, entre outras. Fillipe também é editor-chefe do Jornal O Dia Jundiaí, diretor criativo na agência Oak Design, onde desenvolve atividades de gestão de mídias sociais, bem como análise e mensuração de resultados, e nas horas vagas é “blogueirinho” - como ele mesmo se nomeia - no Descubra Jundiaí.

Educação

Divisão Florestal da Guarda Municipal amplia capacitação

Grupamento realiza a fiscalização diária na reserva, deparando-se com obstáculos que podem comprometer a atuação

Avatar

Publicado

em

Foto: Divisão Florestal/GMJ

A Divisão Florestal da Guarda Municipal de Jundiaí continua recebendo investimentos em capacitação de seus agentes para melhorar o trabalho, principalmente o realizado na preservação do chamado “Território de Gestão da Serra do Japi”.

Recentemente, a equipe que integra o grupamento participou de um curso com aulas teóricas e práticas sobre a utilização de itens com motosserra, promovido em parceria com a empresa Husqvarna, para garantir o correto manuseio de equipamentos que auxiliam nas atividades cotidianas.

“É muito importante saber para qual função cada equipamento se aplica, no caso a motosserra. A proteção é fundamental para quem se utiliza do maquinário e principalmente a forma”, destaca o subinspetor Guedes, responsável pela Divisão Florestal.

A capacitação soma-se a recentes investimentos feitos pela gestão Luiz Fernando Machado na melhoria das condições de trabalho da Divisão Florestal que recebeu, em agosto, duas novas viaturas que passam a integrar a frota do setor especializado da Guarda Municipal.

O Grupamento conta agora com um quadriciclo modelo aranha e uma caminhonete pick-up L200, que facilitarão principalmente o acesso em locais considerados de maior dificuldade, ou que apresentem obstáculos.

Continuar Lendo

Educação

Unesp abre inscrições na segunda (9/9) para o maior Vestibular de sua história, com 7.725 vagas em 24 cidades

Avatar

Publicado

em

Pedidos de isenção e redução de 50% da taxa podem ser feitos até 8 de setembro

            A Universidade Estadual Paulista (Unesp) receberá de 9 de setembro a 7 de outubro, pelo site www.vunesp.com.br, as inscrições para o Vestibular 2020, com 7.725 vagas em 24 cidades, a maior oferta da história desta seleção, cujo recorde era de 7.365 vagas em 23 cidades. A taxa de inscrição integral é de R$ 170. A Universidade já abriu o prazo para realização dos pedidos de isenção e redução de 50% da taxa, com cadastramento até domingo, 8 de setembro.

            A Unesp oferece ainda redução de 75% aos cerca de 400 mil alunos matriculados no último ano do ensino médio da rede pública estadual paulista (Secretaria da Educação e Centro Paula Sousa). O período para cadastramento destes candidatos é o mesmo da inscrição dos pagantes de taxa integral, de 9 de setembro a 7 de outubro.

            As 7.725 vagas do Vestibular Unesp 2020 são para as seguintes cidades: Araçatuba (170 vagas), Araraquara (855), Assis (405), Bauru (1.085), Botucatu (600), Dracena (80), Franca (410), Guaratinguetá (310), Ilha Solteira (470), Itapeva (80), Jaboticabal (280), Marília (475), Ourinhos (90), Presidente Prudente (640), Registro (80), Rio Claro (490), Rosana (80), São João da Boa Vista (80), São José do Rio Preto (460), São José dos Campos (120), São Paulo (185), São Vicente (80), Sorocaba (80) e Tupã (120).

A Unesp destina pelo menos 50% das vagas por curso (total de 3.878 vagas entre as 7.725 do Vestibular) ao Sistema de Reserva de Vagas para Educação Básica Pública. A porcentagem de ingressantes oriundos de escolas públicas no Vestibular Unesp 2019  foi de 54,6%. Quando o programa foi iniciado, em 2014, era de 40,7%, ou seja, incentivou o aumento de 34,1% no intervalo de cinco anos.

As provas da primeira fase da seleção serão realizadas no dia 15 de novembro, em 31 cidades paulistas e ainda em Brasília (DF), Campo Grande (MS), Curitiba (PR) e Uberlândia (MG). No ano passado, o total foi de 98.435 inscritos no Vestibular Unesp. 

Continuar Lendo

Educação

Educação tem grupo técnico para evitar fraudes de endereços nas matrículas

Avatar

Publicado

em

Foto: Fotógrafos/PMJ

Qualidade da rede de ensino motiva a busca por matrículas nas escolas da cidade

A Unidade de Gestão de Educação (UGE) inicia processo de identificação de alunos residentes em outros municípios matriculados nas Escolas Municipais de Educação Básica de Jundiaí (Emebs). O trabalho é realizado por equipe técnica em visita aos endereços apresentados às escolas. Somente em uma região verificou-se que 20% dos estudantes são provenientes de cidade vizinha, sobrecarregando a rede jundiaiense.

Esta é a primeira vez que a iniciativa realizada a ação A validação documental vai abranger todos os alunos da rede. Para a verificação de endereço, a abordagem é feita por uma equipe credenciada e identificada com crachá da Unidade de Gestão/Prefeitura de Jundiaí. Após constatado que o estudante não reside no Município, os responsáveis serão orientados a buscar o atendimento na cidade onde mora.

“A Educação de Jundiaí é reconhecida pela Escola Inovadora e com Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) de 7,1 – valor projetado para 2021 – é de excelência. Muitas pessoas de outras cidades acabam buscando nossos equipamentos para matricular o filho. Isso sobrecarrega a nossa rede e restringe o acesso do próprio jundiaiense. Para evitar o problema a unidade fará visita para confirmar os endereços apresentados pelos responsáveis às escolas”, comenta a gestora da Unidade de Gestão, Vastí Ferrari Marques.  Somente na primeira escola visitada, na região do bairro Agapeama, dos 570 alunos, 100 moram em outra cidade.

Em uma região, constatou-se que 20% dos alunos são provenientes da cidade vizinha

Creches
A visitação aos endereços registrados em fila de espera para vagas em creches em Jundiaí terá início no dia 09 de setembro. Atualmente, existem 2.574 mil crianças entre 0 e 3 anos registradas no aguardo de chamamento. “Fizemos várias visitas nos últimos meses para a verificação da origem das crianças que aguardavam pela vaga e, neste processo, ficou identificado que parcela não era jundiaiense”, comenta a gestora.

“Entendemos que a nossa educação é de qualidade, com oferta de material escolar, alimentação orgânica, uniforme, inglês a partir dos 4 anos, italiano também inserido na grade e o Fab Lab para formar gerações preparadas. No entanto, parte da população de Jundiaí está sendo prejudicada por falta de vaga próximo a sua residência, por exemplo, pela vaga estar sendo ocupada por crianças que deveriam estar estudando na sua cidade, próximo de casa”, argumenta.

Fonte: Assessoria de Imprensa/PMJ

Continuar Lendo

+ Lidas da semana